Câncer de pele pode ser eliminado através da excisão cirúrgica

0

Ouvir a palavra “câncer” já dá medo em qualquer um. E se o médico chegar pra você dizendo que precisa tratar um câncer de pele? Complicado, né? Mas fique tranquila. Nesse caso, mesmo sendo preciso ter o máximo de cuidado, uma simples cirurgia pode resolver sua situação e evitar os temidos males dessa doença. Trata-se da excisão de pele. Ela pode ser feita no próprio consultório com toda as medidas de segurança. Conheça.

Como funciona a excisão de pele?

Excisão é um procedimento cirúrgico de remoção de uma lesão por meio do corte da pele ao redor, permitindo sua retirada. É usada tanto para remoção de lesões benignas quanto malignas. Em casos de câncer de pele, além da lesão, é removido um pedaço de pele normal ao redor da lesão, chamado margem de segurança. A largura desta margem de pele normal removida depende de fatores como o tipo de câncer de pele, tamanho do tumor e sua profundidade.

A excisão de pele é o tratamento padrão para o câncer de pele, ou seja, é sempre a primeira opção para a retirada do tumor, podendo depois ser combinada com outros tratamentos, como a radioterapia ou pomadas imunomoduladoras. O exame pode ser realizado para diagnosticar todo tipo de doença de pele: tumores benignos, malignos, inflamatórias (psoríase, por exemplo) ou infeccioso (hanseníase, por exemplo).

Simples, na medida do possível

A grande maioria dos casos de excisão de tumores da pele pode ser feita ambulatorialmente, sob anestesia local. Nestes casos, você provavelmente não precisará trocar a suas roupas, mas dependendo do local do câncer o médico ou enfermeiro pode solicitar a troca por um avental cirúrgico. Antes da excisão de pele, o enfermeiro ou médico limpa a área a ser operada, delimitando-a com uma caneta especial. É aplicado um anestésico local na pele, de forma que você não sinta nada durante o procedimento.

O tecido retirado deve ser examinado histologicamente, permitindo a avaliação das margens laterais e profundas, e a certificação de que todas as células cancerosas foram removidas. É extremamente importante que todo o câncer de pele tenha sido retirado, para reduzir o risco de recorrência. As excisões no geral tem uma cicatrização tranquila, sem problemas. Você fará um acompanhamento com sua médica para monitorar sua recuperação e se certificar de que a ferida está cicatrizando corretamente. Lembre-se: apesar de simples, você tratou um tipo de câncer de pele. Logo, este requer atenção máxima para evitar o retorno da doença, bem como outras complicações. Sua saúde deve estar sempre em primeiro lugar.

Dra. Fernanda Ayres – Dermatologista – CRM 4344 RQE 1362

Endereço: Rua Senador Cândido Ferraz 1250 , 17 andar – Jockey -Teresina Piaui. Contato: (86) 32334131 ou 999653030.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here