Lipoescultura ou lipoaspiração? Entenda a diferença

0

Ter dúvidas sobre a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura é uma situação muito comum, pois são procedimentos semelhantes. Porém, é importante entender quais são essas diferenças, pois isso influencia diretamente na indicação de cada uma dessas cirurgias. Confira a seguir a explicação do cirurgião plástico, Dr. Coracy Carneiro.

Afinal, o que é a lipoescultura?

lipoescultura é uma cirurgia plástica onde é feita a retirada da gordura localizada indesejada, injetando-a novamente em uma nova área para ser feito um remodelamento desta parte. Exemplos: a gordura pode ser injetada no rosto para corrigir traços da idade ou imperfeições da pele ou até mesmo no bumbum para deixa-lo maior e mais modelado.

O procedimento é muito semelhante à lipoaspiração pelo fato de retirar a gordura localizada, porém, não a elimina, realizando um processo de limpeza desta gordura com soro fisiológico e até mesmo podendo haver um processo de decantação ou de centrifugação para eliminar o sangue e o soro para ser novamente introduzido no corpo do paciente.

Entendendo a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura

Em resumo, a lipoaspiração é a técnica cirúrgica responsável por retirar os depósitos de gordura em áreas específicas do corpo. Em outras palavras, o procedimento cirúrgico aspira através de cânulas a gordura acumulada em áreas do corpo como abdome, culotes, costas, etc e as elimina. Já a lipoescultura é a cirurgia na qual se realiza uma lipoaspiração, mas em vez de desprezar a gordura lipoaspirada, aproveita-a para modelar outra parte. Esta gordura tratada pode ser enxertada em outa área para aumentar o volume (como os glúteos, maças do rosto, pernas) ou para minimizar vincos e depressões como os da face e celulite, como explicado acima.

Escolhendo o procedimento ideal

Para saber qual é o procedimento mais indicado é fundamental ter em mente a necessidade de uma avaliação com um cirurgião plástico. Afinal, só conversando com um médico é possível alinhar as expectativas e entender a melhor opção para se chegar aos resultados desejados. Nos casos onde há flacidez de pele por exemplo, podem ser indicados outros tipos de cirurgia. Um fator importante a se ressaltar também é que tanto uma cirurgia quanto a outra, devem ser realizadas em ambiente hospitalar, nunca em clínicas, pois é preciso de toda uma estrutura para garantir a segurança durante a realização do procedimento.

Antes de se submeter a essa cirurgia procure conhecer melhor o seu procedimento, procure por mais de um especialista, pessoas que já o fizeram  e busque entender mais sobre o assunto. Antes de qualquer decisão não tenha dúvidas se é exatamente o que você deseja, pois os riscos podem ser maiores do que a vontade de obter um corpo exuberante. Por fim, a recuperação é muito parecida com a da lipoaspiração, porém é importante dedicar os cuidados a duas partes do corpo, a que foi retirada a gordura e a que foi colocada. Esforços físicos devem ser evitados por pelo menos 30 dias após a cirurgia, o médico também pode estabelecer alguns medicamentos que deverão ser evitados e evitar a exposição ao sol por algumas semanas.

Dr. Coracy Carneiro –  Cirurgião Plástico – CRMCE: 9057
Av. Santos Dumont, 5753, Complexo São Matheus – Torre Saúde, 18º andar.
(85) 3025-4440 / (85) 99866-0000
 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here